Arroz de Puta Rica à João Bennio

Arroz de Puta Rica à João Bennio
compartilhe =)

Arroz de Puta Rica, é uma receita super tradicional do estado de Goiás. Apesar de ser um prato criado há muitos anos, por incrível que pareça é dificil encontrar no cardápio dos restaurantes, até nos mais tradicionais.

Dizem que quem criou o prato foi uma cafetina muito famosa para impressionar os seus clientes. Esta receita que vou passar aqui possui uma história bem legal segundo o site do Xapuri Socioambiental, dá uma passadinha lá para conhecer.


Contava João Bênnio que, antigamente, tempo do Brasil Colônia, quando Goiás ainda tinha suas economias sustentadas na extração do ouro, muitas donas de bordéis montaram suas casas e exploravam todas as suas habilidades para atrair às suas casas a maior clientela de homens ricos – moradores ou que chegassem à cidade. Assim, na antiga Vila Boa, capital da Província de Goyaz, as donas dos bordéis, para chamar a atenção dos ricaços “coronéis” e dos tropeiros que chegavam de viagem, em completo “jejum”, depois de meses nas estradas, em lombos de burros, recomendavam às suas moças que não economizassem nos vestidos coloridos, batons e perfumes

trecho retirado do site Xapuri Socio Ambiental

Apesar da comida caipira, em particular, a comida do Goiás, estar ficando mais popular no meio gastronômico, existe muita pouca literatura explorando este universo, tão rico, do nosso Cerrado Brasileiro. 

Felizmente, alguns anos atrás um casal de amigos me presenteou com um livro raríssimo ( senão o único) de receitas goianas, do já falecido Bariani Ortencio. Um grande levantamento do receituário mas principalmente do modo de fazer. Tem cobra assada, jacu frito, jaó ( um pássaro) na brasa.

Neste livro, parece que quem tá te passando a receita é a própria Dona Maria ou Seu Antônio. Algumas tem medida, outras nem tanto, algumas, de tão tradicionais, se pressupões que todo mundo sabe um tiquinho e que não carece assim, de tanta explicação!

arroz_de_puta_rica_comomelocomo
arroz_de_puta_rica_comomelocomo

Voltando ao nosso Arroz de Puta Rica, que é  um mexidão de arroz bem rico com vários tipos de carnes. A versão do arroz sem carne, se chama Arroz de Puta Pobre. Mas para  ele ficar bem gostoso, é importante respeitar a sequência de ingredientes na panela, entra o frango, depois a linguiça, depois a costelinha… Se colocar tudo de uma vez, não vai ter gosto de nada, ou melhor, vai ter gosto de tudo!

A receita que eu vou passar aqui se chama Arroz de Puta Rica à João Bennio, na minha, eu acrescento pequi e tiro a uva passa.

Print
arroz_de_puta_rica_comomelocomo

Arroz de Puta Rica à João Bennio

Receita tradicional do Estado de Goiás. Retirada do Livro Cozinha Goiana de Bariani Ortencio. No meu ver, eu gosto de fritar as carnes todas separadas. Uma a uma para ressaltar o sabor. Você pode também refogar  tudo junto, colocando  uma carne por vez.

Course principal
Cuisine brasileira
Keyword arroz de puta rica, comida goiana, cozinha brasileira, receita do goias
Prep Time 30 minutes
Cook Time 40 minutes
Total Time 1 hour 10 minutes
Servings 8

Ingredients

  • 1/2 kilo de arroz
  • 800 gramas de frango cortado em cubos
  • 100 gramas de bacon em cubos
  • 100 gramas de costelinha defumada e desfiada
  • 100 gramas de costelinha fresca
  • 100 gramas de linguiça calabresa fatiada em rodelas médias ou cubos
  • 200 gramas de linguiça fresca, retirada do invólucro
  • 200 gramas de carne de sol em cubos pequenos
  • 3 colheres de azeite de oliva
  • 2 espigas de milho cozidas e soltas da espiga
  • 30 gramas de alho picado
  • 200 gramas de cebola picada
  • 100 gramas de tomate picado
  • 50 gramas de pimentão picado
  • 50 gramas de ervilha fresca
  • 200 gramas de palmito picado
  • 200 gramas de uva passas
  • cheiro verde e sal a gosto

Instructions

  1. Tempere o frango com sal e pimenta. Dê preferência á pimenta fresca, sem semente, para dar um gosto mais acentuado.

    Refogue o frango com o alho e óleo na panela. Reserve.

  2. Agora frite o bacon até ficar crocante. Reserve.


  3. No óleo do bacon frite a linguiça fresca e a costelinha fresca. Reserve.

  4. Frite rapidamente a carne de sol e  a calabresa e reserve também.

  5. Acrescente mais óleo se precisar na panela e refogue a cebola até ficar transparente. Adicione o milho e refogue por 1 minuto. Adicione o pimentão e refogue mais um pouco. Adicione o tomate e refogue por mais 2 minutos.


  6. Adicione o arroz e refogue o arroz nesta mistura e frite de 1 a 2 minutos, sem deixar pegar muito no fundo da panela. Acrescente as carnes mexa um pouco e adicione aproximadamente 2 litros de água.


  7. Suba fervura e depois baixe o fogo para terminar de cozinhar. Quando o arroz estiver quase pronto, acrescente a ervilha fresca, o palmito o cheiro verde e decore com o bacon bem fritinho por cima.

compartilhe =)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *